Social Icons

9 de abr de 2014

MIRANDO AS ELEIÇÕES

Apoio à pré-candidatos de 2014 gera discussão na Câmara

Foto Eudes Marinho / Itapecuru Agora.com
Benedito Cunha Mendes (PT), Eliane Cardoso Santos (PP) e Edna Teixeira Martins (PC do B) não compareceram na sessão da última segunda-feira (07 de abril) na Câmara Municipal de Vereadores de Itapecuru-Mirim. Mas nenhuma dessas ausências desfalcou os blocos para que impedisse mais um embate em solo legislativo municipal.

José Carlos de Araujo Vieira Junior (PTC) iniciou sua fala parabenizando os profissionais da comunicação pelo Dia do Jornalista (celebrado na data em questão), lembrando que esses profissionais, por muitas vezes, não têm o reconhecimento que merecem, mesmo sendo contribuintes do processo de democratização do país e por levarem a todos os acontecimentos da atualidade. O vereador também esclareceu que pode manter discussões com Rogério Maluf Gonçalves (PRP), pode ser amigo dele do lado de fora da Câmara, porém nunca trocará agressões físicas com o colega vereador, atentando que nenhum dos dois recebeu educação de seus pais para agirem dessa maneira.
Após congratulações e esclarecimentos, Carlos Junior discursou em repúdio a José de Arimateia Costa Junior (PSDB), elucidando que o Presidente da Câmara deveria ser mais bem informado, antes de tecer críticas aos outros. O líder da oposição disse que Costa está certo em se preocupar com as discussões que ocorrem durante as sessões, porém diz que não se calará se ver “enganadores” e “responsáveis pela destruição do município” pedindo voto nas eleições que acontecerão no mês de outubro do ano corrente.
 
Carlos Junior lembrou que Costa subiu à tribuna com uma matéria do Jornal O Estado do Maranhão criticando o Deputado Federal Simplício Araujo, por ter repassado R$ 250 mil para a Universidade de São Paulo, para que fosse usado no amparo a pesquisas com o intuito de buscar medicamentos para suavizar a dor de quem sofre de câncer na próstata. Costa teria criticado tal fato, dizendo que o Deputado financiou uma pesquisa paulista ao invés de privilegiar o povo maranhense. Carlos Junior rebateu tal situação dizendo que se os deputados do nosso Estado tivessem preocupação com pesquisas, o Maranhão não seria a desgraça que é. “Vossa Excelência não tem o direito de criticar. O dinheiro foi repassado para uma instituição pública de qualidade. Na minha família, vários membros morreram vítima de câncer. O resultado da pesquisa de lá serviria para o Mundo inteiro”, afirmou o oposicionista, que ainda disse que o mais recente Pré-Candidato ao Governo do Maranhão Edison Lobão Filho (que provavelmente será apoiado pela Governadora Roseana Sarney e pelo Prefeito Magno Amorim) financiou, em R$ 200 mil, uma pesquisa na Antártida. “O que uma pesquisa lá na Antártida vai trazer de benefício para moradores da zona rural, que não têm direito a transporte por conta de pontes quebradas?”, questionou o vereador, referindo-se ao Povoado Tingidor, e assim voltou a criticar os vereadores que rejeitaram sua solicitação para que o Secretário de Infraestrutura e Urbanismo Wilson Ayres comparecesse à Câmara para apresentar as políticas públicas de sua secretaria para o ano de 2014. 
 
Carlos Junior encerrou sua fala que é essa a postura da oposição, firme e forte até o fim. O vereador ainda teceu uma última crítica: “Costa diz que ninguém deve votar em alguém que nada fez por Itapecuru. Qual trabalho Edinho Lobão fez?”.
 
Exercendo excepcionalmente a Presidência da Câmara, Manoel Alves Pereira (PSL) deu a palavra à Costa, que admitiu que não estava a fim de discursar, mas não poderia ficar calado diante das críticas recebidas. O vereador disse que cada legislador deve saber respeitar a opinião do próximo, mas não hesitou em chamar Carlos Junior de inconstante, por ter “esculhambado” Edinho Lobão por financiar uma pesquisa em outro continente, mas defendendo a prática da mesma, ou seja, se o líder da oposição é tão em prol de pesquisas, então deveria defendê-las, independentemente de objetivo e de onde é feita. 
 
Costa afirmou que irá criticar Simplício Araújo caso ela venha fazer campanha em Itapecuru, e rebateu as críticas de Carlos Junior sobre a infraestrutura do município com os seguintes questionamentos: “Por que Simplício não mandou esses R$ 200 mil da pesquisa em recursos para a cidade? O que Flávio Dino já fez por Itapecuru? Tirou uma quadra poliesportiva da Jaibara”. O Presidente da Câmara aproveitou o ensejo e enalteceu os nomes dos Deputados Domingos Dutra, Carlos Brandão e Gastão Vieira, que, segundo ele, investem de verdade no município, e ainda citou uma possível pré-candidatura de João Castelo ao Governo do Estado, elogiando-o e afirmando que o ex-Prefeito de São Luis foi o grande responsável pelo desenvolvimento de Itapecuru, citando como exemplo o Hospital Regional Adélia Matos Fonseca, implantado no município pelo político.
 
O Presidente da Câmara ainda se defendeu dizendo que não pede voto para o candidato do Prefeito, e lembrou que se recusou a apoiar, em 2010, Ribamar Alves para o cargo de deputado, mesmo sendo este o candidato do então Prefeito Junior Marreca. Costa novamente disse que não vota em quem nunca fez nada por Itapecuru e ainda pediu que todos os eleitores do município levassem esse princípio consigo. Por fim, pediu que Carlos Junior tomasse cuidado com as suas palavras.
 
Após as defesas pessoais, a sessão foi encerrada.
Matéria Extraida do site:http://itapecuruagora.com/
 
 
Fawkes Web e Serviços