Social Icons

14 de out de 2016

Prefeito de Itapecuru será ouvido hoje em processo de impeachment

O prefeito de Itapecuru Mirim, Magno Amorim, será ouvido no final da tarde desta sexta-feira (14) no processo de cassação instaurado pela câmara municipal após denúncias de improbidade administrativa.

Magno foi por duas vezes afastado do cargo recentemente e por força de liminares retornou ao comando da administração municipal, a primeira vez por força da justiça provocada por ação do ministério público, na segunda pela própria câmara municipal como parte do trâmite do processo de cassação ora instalado.

O prefeito é acusado de desvio de verbas repassadas pela empresa Vale que repassou recursos para construção de escolas, pavimentação asfáltica, compra de tratores e ambulâncias, dentre outros. De acordo com a denúncia, feita por um morador do povoado Santa Helena, Luís Carlos, localidade que seria beneficiada com recursos da Vale repassados à prefeitura.

Após ser ouvido o prefeito terá o prazo de cinco dias para que seus advogados possam apresentar as alegações finais e provavelmente no dia 24 ou 25 de Outubro os vereadores votem o relatório final.

Ontem, quinta-feira (13) foram ouvidas as testemunhas de acusação e defesa. Chamou atenção os depoimentos do ex-secretário de infraestrutura, Wilsom Aires, hoje vereador que tem o cargo ameaçado e da engenheira responsável pelas obras que declarou estar conhecendo naquele momento o ex-secretário.

A população se faz a seguinte pergunta: Por que há vereadores que sabendo dos desvios de verba não comparecem ao plenário para votarem no processo? Para muitos cidadão itapecuruenses a resposta é simples, ou receberam dinheiro para não comparecer ou estão envolvidos no desvio em algumas destas obras.

A audiência acontece às 17:30 na câmara municipal de Itapecuru.

Fonte: Itapecuru Noticias
 
 
Fawkes Web e Serviços