Autores de furtos são presos pela Policia Civil de Vargem Grande/MA

Por Alpanir Mesquita

A polícia civil do Maranhão, por meio da delegacia de Vargem Grande, prendeu na última terça-feira (25), em flagrante delito, Francivaldo Ferreira de Sousa sob acusação de furtos. De acordo com os policiais, vítimas estiveram na delegacia e comunicaram que tiveram bicicletas furtadas no centro da cidade.

De posse das informações, a guarnição em serviço diligenciou até a residência do acusado, onde foi possível sua prisão e a recuperação dos produtos do furto. Já em outro caso, uma vítima relatou que teve seu aparelho celular furtado dentro da escola que estuda. Após levantamentos, foi possível identificar o autor e recuperar o objeto. Foi lavrado o procedimento em desfavor do adolescente A.P.C. pelo ato infracional análogo ao crime de furto.




Homem é preso por suspeita de falsificação de diplomas em Barra do Corda/MA

Operação aconteceu em Barra do Corda.
Um empresário identificado como Lázaro Mota de Sousa foi preso na manhã desta quarta-feira (26) pela Polícia Civil de Barra do Corda. A intenção da operação, coordenada pelo delegado regional Renilto Ferreira, era investigar crimes de falsificação de documentos públicos, assim como estelionato e associação criminosa quanto à oferta de cursos de níveis médios e superior.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em Barra do Corda e Jenipapo dos Vieiras. Durante os trabalhos foram apreendidos computadores, celulares, livros ata, de frequência, arquivos, diplomas e históricos escolares assinados em branco, além de uma arma de fogo com numeração raspada.

Lázaro Mota tem instituto de educação sediado em Barra do Corda, com extensão em Jenipapo dos Vieiras e Poção de Pedras. O empresário foi preso pelo crime de posse ilegal de arma de fogo restrita, e também foi autuado por falsificação de documentos públicos.

Após as formalidades legais, o suspeito foi encaminhado para a Unidade Prisional da cidade, onde ficará custodiado à disposição da justiça.

Do Portal MA 10.

Homem é condenado a 19 anos de prisão por matar idosa em Buriti

 Raí na época que foi preso.
O Tribunal do Júri da Comarca de Buriti condenou, em 18 de junho, Anderson dos Santos Lourenço, conhecido como Raí, a 19 anos de prisão pelo assassinato de Maria das Graças Viana, a Gracinha. A vítima foi executada com pancadas na cabeça e uma facada durante as comemorações da passagem do ano de 2017 para 2018, no interior de sua residência, no município de Buriti.

O júri reconheceu a prática de homicídio qualificado (meio cruel e recurso que impossibilitou a defesa da vítima). Além disso, foi levado em consideração o fato de que Maria das Graças Viana era idosa. A pena deverá ser cumprida na Penitenciária de Chapadinha.

Defendeu a tese do Ministério Público do Maranhão o promotor de justiça Raphaell Bruno Aragão de Oliveira. Proferiu a sentença o juiz José Pereira Lima Filho.

Nos autos, foi informado que o motivo do assassinato é desconhecido, mas foi destacado que o homicida manteve anteriormente uma relação amorosa com Maria das Graças Viana, o que teria facilitado a entrada do criminoso na residência dela.

Redação: CCOM-MPMA.




Bandidos explodem Banco do Brasil do João Paulo em São Luís

Foto reprodução TV Mirante
A agência do Banco do Brasil na Avenida São Marçal, no João Paulo, em São Luís, foi atacada na madrugada desta quarta-feira (26). Segundo informações da polícia, os bandidos conseguiram destruir uma parte dos caixas eletrônicos e do teto, mas não conseguiram roubar o dinheiro.

Ainda segundo a polícia, os bandidos conseguiram quebrar a porta de entrada e entrar na agência por volta das 3h. Durante a ação criminosa, três explosivos e uma carteira de identidade foram deixados na entrada da agência do Banco do Brasil. A polícia investiga o caso para identificar os envolvidos na ação criminosa.

Do G1 MA.

Deputado Wendell Lages solicita Restaurante Popular para Itapecuru-Mirim/MA

O deputado estadual Wendell Lages (PMN) solicitou ao governo do Estado e à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, por meio de Indicação, a Implantação de um Restaurante Popular no município de Itapecuru-Mirim.
Segundo o parlamentar, a iniciativa visa beneficiar famílias de baixa renda, trabalhadores formais e informais, idosos, estudantes, desempregados, moradores de rua e famílias em situação de vulnerabilidade social, além de ampliar a oferta de refeições nutricionalmente balanceadas e comercializadas a baixo custo, propiciando uma melhor qualidade de vida aos itapecuruenses.
Para o deputado Wendell, a solicitação também terá impacto positivo na economia local como aquisição dos gêneros alimentício, emprego e produção da agricultura familiar.

Assecom / Dep. Wendell Lages